fbpx

10 truques para melhorar a soneca do bebê

O sono do dia pode ser mais desafiador do que o noturno, então é normal buscarmos soluções para melhorar a soneca do bebê.

Apesar de ser bastante difícil, o sono do dia é muito importante para o desenvolvimento físico, motor e cognitivo das crianças, e estudos mostram, que pelo menos até 3 anos, as crianças precisam do sono durante o dia.

A soneca vai te ajudar a ter uma criança mais feliz, descansada, que vai comer melhor, terá mais progressos nos aspectos cognitivos, além de ser um fator que influencia demais na qualidade do sono noturno.

Então, para quem sofre para fazer os pequenos dormirem durante o dia, aí vão de 10 coisas que você pode fazer para acabar com essa luta sem fim!

Entenda a janela de sono do seu filho

A primeira coisa a fazer para melhorar a soneca do bebê, é entender quanto tempo ele consegue ficar acordado sem entrar em efeito vulcânico, ou sem estressar.

Janela de sono é o tempo que o bebê consegue ficar acordado, então se você souber esse tempo (ao menos aproximadamente), ficará mais fácil de fazer o bebê dormir – porque o horário estará correto.

Existe algo que se chama pressão de sono, e ela aumenta conforme o passar das horas do dia. Quando essa pressão é muito grande, o bebê fica nervoso, chorão e não relaxa.

Porém, se não há pressão de sono, o bebê não consegue dormir porque está muito acordado.

Por esse motivo as janelas são tão importantes.

Cuide do ambiente para melhorar a soneca do bebê

Pense como se fosse um momento para você tirar um cochilo.

Muita iluminação, barulho ou cheiros fortes não favorecem o sono. Então pode fazer uma penumbra (estamos aqui falando de crianças acima de 4 meses, que já aprenderam a diferença entre o dia e a noite), não use produtos de limpeza com odores fortes e cuide da temperatura.

O frio e o calor atrapalham demais o sono.

Faça um ritual de soneca

Criança gosta de previsibilidade. Isso dá segurança e conforto.

Tudo o que é novo pode assustar um bebê, e fazer com que ele só se sinta seguro se estiver no colo ou pelo menos deitado com a mãe, pai ou outro cuidador.

Então essa dica é importante para as crianças que só sustentam o sono no colo. Será que ela sabe que é hora de dormir? Fazer um ritual de soneca pode ajudar muito no relaxamento do bebê.

Ele não precisa ser muito longo. Uma troca, ligar um ruído branco, apagar as luzes, fechar cortinas, ler ou falar sempre a mesma coisa para a criança já é um ritual adequado para o cochilo.

O importante é a repetição das atividades, então pense em um ritual que seja adequado para a dinâmica da sua família.

Acalme o bebê para melhorar a soneca

30 minutos antes do cochilo, diminua as brincadeiras, estímulos e principalmente evite telas ou outros aparelhos eletrônicos.

A criança está em grande aprendizado, é curiosa, então dormir não é algo tão interessante. Se ela estiver estimulada, a luta para dormir será maior.

O ritual pode ter 10 ou 15 minutos, mas um pouco antes disso, pare de estimular seu bebê, para que ele esteja mais relaxado no momento do ritual.

Tenha uma rotina alimentar regular

Essa dica é para crianças que acordam precocemente da soneca. Então ela acorda e logo está na hora do almoço, ou lanche, ou mamada.

Garanta uma rotina alimentar regular, para que na hora do cochilo, seu filho esteja bem alimentado.

Estimule a criança na medida certa

Além da pressão de sono, o que vai ajudar a criança a dormir melhor é o cansaço (na medida certa!).

Não é interessante estimular demais a criança, porque o corpo dela pode começar a produzir hormônio cortisol, para se manter acordado.

Esse é o mesmo hormônio do stress, então o cochilo pode ficar mais complicado.

Porém, se a criança não tiver cansada, o cochilo não vai acontecer, ou se acontecer, será a custa de muita indução. Você terá que ninar muito, pular na bola de pilates, ou seja, dormir pela criança.

Então brinque, estimule, tenha atividades externas! Uma criança que fica o dia todo em casa, brincando em um cômodo, sempre com os mesmos brinquedos, pode não gastar energia suficiente para dormir um bom cochilo.

Brincadeiras na água também são ótimas opções para aumentar o cansaço.

Observe os sinais de sono

Já falamos de entender as janelas de sono, então depois de superar essa etapa, repare no que seu filho faz um pouco antes de adormecer.

Bocejo? Coçar os olhos? Esfregar as orelhas? Perder o interesse nas brincadeiras?

São diversos sinais de sono, e cada criança tem o seu. Então saber estes sinais é importante principalmente quando a criança passa por uma transição de soneca (porque na hora de adormecer, ela não apresentará nenhum sinal, e aí está na hora de ajustar a rotina).

Além disso, assim que perceber o sinal de sono, comece o ritual de soneca, para não correr o risco da criança passar do ponto e entrar em efeito vulcânico.

Ensine a criança a dormir

Se você nina a criança até dormir, ou se ela só dorme se estiver no carro, ou qualquer outra situação que dependa de outra pessoa, significa que seu filho não sabe dormir.

E dormir é uma habilidade que se aprende! Assim como andar, engatinhar ou falar.

Uma criança que sabe dormir, tem pouca, ou nenhuma dificuldade em entrar no sono se estiver com a rotina ajustada, o ambiente correto e o ritual de sono relaxante.

Se seu filho luta muito para dormir, pode ser que ajude demais fazer um processo de aprendizagem.

Espere para atender a um chamado

O sono das crianças é muito leve, e portanto elas emitem muitos sons enquanto dormem.

Essa dica não vale só para melhorar a soneca, mas também para o sono noturno. Sempre que a criança emitir um som, espere um pouco para ver se realmente ela está chamando por ajuda.

Se ela estiver dormindo (o que é perfeitamente possível), apenas pelo fato de entrar no quarto, você corre o risco de acordar o bebê, já que o sono de sonhos é bastante superficial.

Sempre dê a oportunidade da criança ligar os ciclos sem ajuda, porque isso faz toda diferença na qualidade de sono dela.

Manual - Tripé do Sono Saudável

Tenha paciência

Lembre-se de que fazer um bebê dormir durante o dia pode ser mais desafiador do que melhorar o sono noturno (que contamos com silêncio, escuridão e com a melatonina – hormônio do sono). Além disso, é normal ter mudanças nos cochilos durante as regressões de sono, que são geralmente ligadas às novas habilidades adquiridas pelas crianças, que querem praticar o tempo todo.

Para um bom sono noturno, a criança precisa de boas sonecas, ou seja, não pense em pular os cochilos na esperança de que seu bebê durma mais durante a madrugada, porque o efeito pode ser completamente o contrário.

Faça um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.